Galeria Leme / Batchelor & Kempinas

29 fev

imagem: reprodução

imagem: reprodução

imagem: reprodução

Clima de festa, muita gente bonita, turminha artsy em peso e é claro … uma noite de verão, foi o cenário da abertura da exposição de David Batchelor e Zilvinas Kempinas na nova Galeria Leme, na noite de ontem.
Em sua terceira exposição individual em São Paulo, o britânico David Batchelor, apresentou sua série SLUGFEST, um conjunto de esculturas – todas produzidas no Brasil – feitas a partir de materiais diversos encontrados em ferro – velhos de São Paulo. Para a exposição, o artista utilizou tubos de metal de sobras industriais e luzes de neon. Trabalhos em diversos formatos e tamanhos, foram colocados diretamente no chão da galeria, fazendo com que as cores se misturem ao concreto como um aglomerado de fósseis industriais.
Já no anexo da galeria, se encontra o incrível trabalho de Zilvinas Kempinas. O artista lituano conhecido por suas obras cinéticas criadas com ventiladores e fitas magnéticas,  mescla desenho, escultura e pintura. Em uma série de painéis, pinos são fixados e seguram linhas de poliéster, que se cruzam criando diferentes desenhos geométricos, de acordo com o espaçamento de seus pontos.
Além das exposições que são bacanérrimas, a visita a nova Galeria Leme, com projeto de Paulo Mendes da Rocha é com certeza um programão!  Pé direito alto, linhas retas, uma passarela que liga os dois anexos. Extremo bom gosto. #ficaadica

*ANOTE:
GALERIA LEME
Ambas Exposições: 28.2.12 / 31.3.12

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: